crianca crianca

A Formiga e a Cigarra

Rosa Clement, © 2001

Ouvi aquela cigarra
no cajueiro florido;
ví a formiga no chão
sem fazer um só ruído.

Quem escutava a cigarra
resmungava e reclamava
enquanto que a formiga
ninguém nem mesmo notava.

Se a cigarra cantava
a sua canção de verão,
dona formiga danada
só amolava o ferrão.

Lá no pé do cajueiro
quem sentasse só gritava
da ferrada da formiga,
e a cigarra assustava!

  

  

  

Festival de Poesia, realizado no dia 04/06/2013
Escola Municipal do Ensino Fundamental Luiz Zovaro
Caieiras, São Paulo
Foto: Professora Fabiana Suzi

Autores do Quadro A Formiga e a Cigarra: Andrew e Mikaely, 1º Ano D
Professora: Cristiane

cigarra.jpg