crianca crianca

Estrela Cadente

Rosa Clement, © 2014

Por que tanta pressa,
estrela cadente?
Por que só te vejo
assim de repente,
sumindo de vista,
fugindo da gente?

Ao te descobrir,
eu gritei incontido:
"Olha aquela estrela...",
largando o pedido,
pois sem nem piscar,
já tinhas sumido.

Somes tão depressa,
que começo a pensar
que desejo apenas
te ver desfilar,
e riscar esse céu
bem mais devagar.